leituranarede.com

Month: Janeiro 2018

PROJETO DE LEITURA: OVERDOSE STEPHEN KING

Mais um ano começou e com ele mais ideias de projetos literários. Já faz algum tempo que venho pensando em encarar um projeto de leitura de um dos autores que mais tem despertado meu interesse: Stephen King. Adoro a escrita dele e estou com essa vontade desde que li o livro de contos Escuridão Total Sem Estrelas, em 2016.

Convido todos vocês a embarcarem neste projeto de leitura que eu carinhosamente nomeei de Overdose Stephen King. O ritmo de leitura funcionará da seguinte forma: um livro do autor por mês, desde que tenha até 400 páginas. Como ele adora escrever calhamaços, livros que ultrapassarem esse número de páginas eu vou estender a leitura por 2, 3 ou até 4 meses. Ou seja, é projeto para mais de anos. Vou escolher as obras aleatoriamente, sem seguir a ordem cronológica de publicação. Alguns livros que eu li quando era adolescente eu irei acrescentar na pilha de releituras. Assim que finalizar cada obra, eu colocarei a resenha aqui no blog para vocês.

O Steven King possui mais de 50 livros publicados entre romances, contos e não-ficção. Além dos livros publicados em seu nome ele também escreveu livros sob o pseudônimo de Richard Bachman. Para este projeto eu lerei somente os livros publicados em seu nome.

A seguir deixarei a lista com todos os livros do autor, em ordem cronológica, o status da leitura e o link para as obras que já possuem resenha aqui no blog. Marcarei também o livro que estiver lendo no momento, assim, quem quiser ler o mesmo livro junto comigo é só ver abaixo a leitura atual. Conforme o projeto for caminhando eu atualizarei essa página para a lista estar sempre em dia. Espero que estejam tão animados quanto eu!

OBRAS DO STEPHEN KING – ORDEM CRONOLÓGICA:

  • 1974 – Carrie, a estranha (Ficção) – LIDO
  • 1975 – A hora do vampiro / Salem (Ficção)
  • 1977 – O iluminado (Ficção)
  • 1978 – A dança da morte (Ficção)
  • 1979 – A zona da morte (Ficção)
  • 1980 – A incendiária (Ficção)
  • 1981 – Cão raivoso (Ficção)
  • 1981 – Dança macabra (Não ficção)
  • 1982 – Quatro estações (Ficção)
  • 1982 – A torre negra – vol. I – O pistoleiro (Ficção)
  • 1983 – Christine (Ficção)
  • 1983 – O cemitério (Ficção)
  • 1983 – A hora do lobisomen (Ficção)
  • 1984 – O talismã (Ficção)
  • 1985 – Tripulação de esqueletos (Ficção) – LIDO
  • 1986 – A coisa (Ficção)
  • 1987 – A torre negra – vol. II – A escolha dos três (Ficção)
  • 1987 – Os olhos do dragão (Ficção) – LIDO
  • 1987 – Misery (Ficção)
  • 1987 – Os estranhos (Ficção)
  • 1988 – Nightmares in the sky: Gargoyles and Grotesques (Não ficção)
  • 1989 – A metade negra (Ficção)
  • 1990 – Depois da meia-noite (Ficção)
  • 1991 – Trocas macabras (Ficção)
  • 1991 – A torre negra – vol. III – As terras devastadas (Ficção)
  • 1992 – Jogo perigoso (Ficção)
  • 1992 – Eclipse total (Ficção)
  • 1993 – Pesadelos e paisagens noturnas I e II (Ficção)
  • 1994 – Insônia (Ficção)
  • 1994 – Mid-life confidential – The rock bottom remainders tour America with 3 cords and an attitude
  • 1995 – Rose Madder (Ficção)
  • 1996 – À espera de um milagre (Ficção)
  • 1996 – Desespero (Ficção)
  • 1997 – A torre negra – vol. IV – Mago e vidro (Ficção)
  • 1997 – Six stories (Ficção)
  • 1998 – Saco de ossos (Ficção)
  • 1999 – Storm of the century (Ficção)
  • 1999 – The girl who loved Tom Gordon (Ficção)
  • 1999 – Hearts in Atlantis (Ficção)
  • 2000 – Sobre a escrita (Não ficção) – LIDO
  • 2000 – Secret window, secret garden (Não ficção)
  • 2001 – O apanhador de sonhos (Ficção)
  • 2001 – A casa negra (Ficção)
  • 2002 – Buick 8 (Ficção)
  • 2002 – Tudo é eventual (Ficção)
  • 2003 – A torre negra – vol. V – Lobos de Calla (Ficção)
  • 2004 – A torre negra – vol. VI – Canção de Susannah (Ficção)
  • 2004 – A torre negra – vol. VII – A torre negra (FIcção)
  • 2005 – The Colorado kid (Ficção)
  • 2005 – Faithful: two diehard Boston Red Sox fans chronicle the historic 2004 season (Não ficção)
  • 2006 – Celular (Ficção)
  • 2006 – LOVE: a história de Lisey (Ficção)
  • 2008 – Duma Key (Ficção)
  • 2008 – Ao cair da noite (Ficção)
  • 2009 – Sob a redoma (Ficção)
  • 2009 – Stephen King goes to the movies (Ficção)
  • 2010 – Blockade Billy (Ficção)
  • 2010 – Escuridão total sem estrelas (Ficção) – LIDO
  • 2011 – Novembro de 63 (Ficção)
  • 2012 – A torre negra – vol. VIII – O vento pela fechadura (Ficção)
  • 2013 – Joyland (Ficção) – LEITURA ATUAL
  • 2013 – Dr. Sono (Ficção)
  • 2014 – Mr. Mercedes (Ficção)
  • 2014 – Revival (Ficção)
  • 2015 – Achados e perdidos (Ficção)
  • 2015 – O bazar dos sonhos ruins (Ficção)
  • 2016 – Último turno (Ficção)
  • 2017 – Belas adormecidas (Ficção)

Alguma indicação de qual livro devo escolher para a próxima leitura? Deixe nos comentários!

Boa leitura pessoal!

RECEITA FIT: PIZZA SEM GLÚTEN (MASSA DE COUVE-FLOR)

Oi pessoal! Dieta requer muita criatividade para dar certo né? Eu passei a semana fazendo uma dieta detox e quando chegou a sexta-feira bateu aquela vontade de comer algo diferente e saboroso. Navegando no YouTube, no canal Chata de Galocha (um dos meus favoritos), encontrei essa receita de pizza sem glúten do Chefe e a Chata. Fiz aqui em casa e adorei!

1 – INGREDIENTES DA MASSA:

  • 1 xícara (chá) de couve-flor triturada
  • 1 xícara (chá) de muçarela ralada (ralo fino)
  • 1 ovo
  • sal
  • pimenta-do-reino

2 – INGREDIENTES DA COBERTURA:

  • muçarela em fatias
  • tomate em rodelas
  • molho de tomate
  • azeitonas
  • orégano

3 – PREPARO:

Pré-aqueça o forno a 210º C. Para a massa, pegue a couve-flor triturada e coloque no microondas por 3,5 minutos para cozinhar. Retire do microondas, coloque num pano de prato e torça para sair todo o excesso de água que a couve-flor soltou durante o cozimento. É importante retirar todo o líquido. Misture a couve-flor com o ovo e a muçarela ralada. Tempere com sal e pimenta-do-reino à gosto. Espalhe a massa em uma assadeira e leve ao forno por 10 minutos. Passado esse tempo, retire do forno, espalhe molho de tomate, cubra com muçarela, as fatias de tomate, as azeitonas e o orégano. Volte ao forno até o queijo derreter.

DICA IMPORTANTE:

Eu coloquei a massa em papel manteiga untado com azeite, conforme sugerido pelo Chefe e a Chata, porém mesmo assim grudou um pouco. Eu aconselho fazer essa pizza numa fôrma de cerâmica ou num pirex de vidro untado com azeite.

Me conte nos comentários se fizer essa receita! Bom apetite!! 🙂