30filmes30dias_aultimacasadarua_leituranarede_1

Olá pessoal! Ontem eu assisti ao 3º filme do projeto 30 filmes em 30 dias: A última casa da rua. Um suspense bem mais ou menos. Ok, não sou crítica de cinema, não cursei cinema na faculdade, mas sei dizer quando gosto ou não de um filme. E este eu definitivamente não gostei. Ele é bem ruinzinho. Achei que o único defeito da Jennifer Lawrence era ter caído no palco do Oscar ao receber seu prêmio de melhor atriz… #sqn Péssima escolha de roteiro. Mas, em defesa da atriz, ela é a única que convence ali.

Vamos à história. Elissa (Jennifer Lawrence) e Sarah (Elisabeth Shue) sua mãe, mudam de cidade e vão morar numa casa enorme. Elas conseguem pagar o aluguel dessa casa porque há alguns anos atrás, na casa ao lado, houve um homicídio duplo, onde um casal foi assassinado pela própria filha, e isso fez diminuir o custo de locação das residências ao redor. Atualmente, na casa onde ocorreu a tragédia, mora apenas Ryan, o filho do casal (Max Theriot), que tenta manter-se distante das pessoas devido às diversas lendas que surgiram na cidade por causa da morte de seus pais. Elissa, toda boazinha, faz amizade com ele e coisas estranhas começam a acontecer.

30filmes30dias_aultimacasadarua_leituranarede_5

Embora eles tenham desenvolvido a história em cima de um tema bem clichê, o problema não foi o clichê em si (mudança para uma casa nova onde coisas ruins já aconteceram), mas o rumo que deram para isso. Meu marido descobriu o final do filme enquanto ainda estava na metade. Não aconselharia nem para a sessão da tarde. Eu perdi uma hora e meia da minha vida e aconselho vocês a não fazerem o mesmo. Hahaha Mas caso façam, me contem aqui o que acharam. Sempre tem quem gosta neah? Bjos e até amanhã!

  • Elenco principal: Jennifer Lawrence (Elissa), Elisabeth Shue (Sarah), Max Theriot (Ryan)
  • Ano de produção: 2012
  • Direção: Mark Tonderai
  • Gênero: Suspense

1 Comment on 30 FILMES EM 30 DIAS: #3 – A ÚLTIMA CASA DA RUA

  1. Babi Alck
    12/11/2015 at 18:28 (2 anos ago)

    Quando eu assisti só tinha 14 anos e achei o filme o máximo, quando tornei a ver agora com 16 não achei a mesma graça da época haha!! É engraçado como nossa cabeça muda, amei o post.. parabéns!

    Responder

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *