leituranarede.com

Month: julho 2015

PRÉ-VENDA: Livro de Marcar Livros: seu diário de aventuras literárias

Atenção! Atenção! O Livro de Marcar Livros: Seu Diário de Aventuras Literárias da Verus Editora, um selo do Grupo Editorial Record, já está em pré-venda!  Neste livro / agenda é possível marcar todas as suas leituras, separar por categorias, colocar metas e enfrentar os desafios propostos que tornam a leitura ainda mais prazerosa e estimulante.

O livro possui 200 páginas, é de capa dura e está disponível nas cores azul e roxa, embora eu só tenha visto à venda a cor azul. Eu já vou pedir o meu, porque não me aguento. Conto com maiores detalhes assim que chegar. O melhor preço até o exato momento é o da Amazon, com frete grátis. (#ficaadica)

Abaixo, o link de alguns sites que estão com o livro na pré-venda:

Submarino / Amazon / Livraria da Travessa / Saraiva

livro de marcar livros_verus editora_leituranarede_1

Top 5 filmes que caíram no esquecimento

Momento flashback da semana! A lista top 5 que eu selecionei é de filmes que fizeram parte da minha história e que de alguma forma mexeram comigo em determinada época da minha vida, e que eu nunca mais vi passar na televisão ou ouvi alguém falar a respeito. Vejam a seleção abaixo e se esses filmes também fizeram parte de suas vidas. Caso lembre-se de outros que eu não mencionei, coloquem nos comentários. Também quero saber o que vocês gostavam de ver nos anos 80 e 90!

1 – OS HERÓIS NÃO TEM IDADE

Eu era super fã desse filme e se passar de novo na TV não pensarei duas vezes em assistir novamente. Os Heróis Não Tem Idade é um filme de 1984 e o personagem principal é ninguém menos que o ator Henry Thomas (na época mirim) de E.T. – O Extraterrestre. O filme conta a história de Davey Osborne, um menino que tinha como amigo imaginário o espião Jack Flack, interpretado por Dabney Coleman. Em todas as suas brincadeiras o espião estava sempre frequente e todos da sua família sabiam. Por esse motivo, ao testemunhar a morte de um agente do FBI, ninguém acredita nele, nem mesmo seu pai. O agente que faleceu entrega ao menino um cartucho de videogame que esconde códigos militares secretos. De repente o garoto começa a ser perseguido por agentes internacionais secretos e ninguém acredita no pobre coitado. É pura aventura e diversão. Adorava assistir esse filme! Vejam as imagens abaixo e lembrarão também:

top 5 filmes que cairam no esquecimento_leituranarede

  • Elenco principal: Henry Thomas (Davey Osborn), Dabney Coleman (Jack Flack)
  • Ano de produção: 1984
  • Direção: Richard Franklin

2 – A CANÇÃO DO SUL

A Canção do Sul é uma linda aventura produzida pela Walt Disney em 1946 e foi o primeiro filme da companhia a utilizar a técnica de interação entre atores e desenhos animados.

O filme conta a história de um garoto que vai morar com os avós e na casa deles conhece um empregado da fazenda, já de idade, chamado João Honesto, que é um exímio contador de histórias e faz a imaginação do menino voar. Ele conta histórias do folclore do Sul dos Estados Unidos onde os personagens passeiam pelos campos do Sul e conhecem fantásticos camaradas como o Coelho Quincas. O filme é belíssimo. Quem não se lembra da música Zip-a-Dee-Do-Dah abaixo?

  • Elenco principal: James Baskett (Uncle Remus), Bobby Driscoll (Johnny), Luana Patten (Ginny)
  • Ano de produção: 1946
  • Direção: Harve Foster

3 – UMA JOGADA DO DESTINO

Lembro de ter assistido a esse filme pela primeira vez durante a madrugada no Corujão. E depois fiquei anos tentando descobrir o nome e assistir novamente porque o filme é sensacional!

Um grupo de quatro amigos decide alugar um trailer e ir até Chicago para assistir a uma luta de boxe. No caminho, eles descobrem que a rodovia principal está congestionada e por medo de não chegarem a tempo na luta, decidem cortar caminho por outro local e vão parar no meio de um vilarejo que atualmente somente o Waze poderia nos levar rsrs. Eles se perdem no meio desse bairro humilde e param o trailer ao ver um cara caído no chão pedindo por socorro. Ao descerem para ver o que estava acontecendo descobrem que o cara levou um tiro de uma gangue. Ao tentarem colocar o homem no trailer para levar ao hospital, um carro preto chega com o chefe da gangue que diz que os quatro amigos são testemunhas do crime e deverão morrer. A partir daí é uma perseguição de tirar o fôlego. Eles invadem prédios, se escondem em contêineres e até pelo esgoto os amigos tentam fugir para se livrarem da gangue. É de dar desespero e acelerar o coração. O elenco conta com Emilio Estevez e Cuba Gooding Jr entre outros ótimos atores. Vejam o trailer abaixo (em inglês), porém no You Tube é possível  encontrar o filme completo e dublado. Não deixem de assistir!

  • Elenco principal: Emilio Estevez (Frank Wyatt), Cuba Gooding Jr. (Mike Petterson), Denis Leary (Fallon), Stephen Dorff (John Wyatt)
  • Ano de produção: 1993
  • Direção: Stephen Hopkins

4 – VIVA! A BABÁ MORREU

Este filme é uma comédia de 1991 com a linda Christina Applegate que interpreta a irmã mais velha de uma família de quatro irmãos. A mãe resolve tirar férias e viaja para o exterior com o namorado. Para cuidar dos filhos em sua ausência, ela contrata uma bondosa babá, a senhora Sturak. Logo que a mãe vai para o aeroporto a babá mostra quem ela realmente é, uma senhora amarga e autoritária e não passa muito tempo ela tem um ataque do coração e morre. Os irmãos, desesperados e não querendo que a mãe estrague as próprias férias, resolvem largar o corpo da senhora em frente a um centro funerário durante a noite e fingem que nada aconteceu. Porém, o dinheiro que a mãe deixou para eles comprarem comida e utilizarem em itens essenciais são gastos pelo irmão roqueiro e completamente sem juízo. Sue Ellen Crandell (Christina Applegate) se vê na responsabilidade de cuidar deles e decide arrumar um emprego. Inventa um currículo absurdo e consegue emprego como secretária numa grande empresa e aí a confusão toda começa. O filme é muito engraçado e não faz muito tempo matei a saudade assistindo no Netflix. Recomendo! Vejam o trailer abaixo (em inglês):

  • Elenco principal: Christina Applegate (Sue Ellen Crandell), Joanna Cassidy (Rose Lindsey), John Getz (Gus Brandon)
  • Ano de produção: 1991
  • Direção: Stephen Herek

5 – SOCIEDADE SECRETA

Este é o filme mais novinho da seleção, filmado no ano 2000. No elenco principal os atores Joshua Jackson, conhecido pelos seus papéis em Dawsons Creek e Fringe e o Paul Walker conhecido por Velozes e Furiosos e que faleceu num acidente em 2013.

O filme conta a história de Luke McNamara (Joshua Jackson), um excelente estudante de Yale, uma das mais prestigiosas universidades dos Estados Unidos, que apesar de estudar numa universidade super cara, tem recursos financeiros muito limitados. Na universidade existe uma Sociedade Secreta chamada Skulls, e quando ele é convidado a entrar na sociedade, todos os seus problemas parecem ser solucionados. Mas o suspense todo acontece quando o melhor amigo de Luke aparece morto, supostamente devido a um suicídio. A partir daí, Luke não consegue mais confiar em ninguém e começa a se questionar quem são seus irmãos realmente na sociedade e o quão vale a pena fazer parte disso. Suspense muito legal que na minha adolescência eu alugava na locadora direto! Vejam o trailer:

  • Elenco principal: Joshua Jackson (Luke McNamara), Paul Walker (Caleb Mandrake), Christopher McDonald (Martin Lombard)
  • Ano de produção: 2000
  • Direção: Rob Cohen

Contem nos comentários os filmes que marcaram algum momento da vida de vocês. Vou adorar saber!

ESMALTE DA VEZ: Maybelline – Cor Superpower Blue

Esmalte da vez_superpowerblue

Mais uma dica de esmalte hipoalergênico para as alérgicas como eu. E o esmalte da vez é o Maybelline na cor Superpower Blue. Esse esmalte é da linha Color Show que tem as últimas tendências de cores inspiradas nas passarelas de Nova Iorque.

A fórmula é feita à base de gel com pigmentos super concentrados e a linha possui mais de 60 cores lindas.  O esmalte foi bem fácil de passar e espalhou sem manchar. Passei 3 camadas porque quis que a cor ficasse bem forte, mas 2 camadas já deixa a cobertura perfeita e com muito brilho.

Nos dedos anulares passei 2 camadas do esmalte cremoso branco da Bruna Marquezine by Ludurama e apliquei uma película xing ling de marca desconhecida.

 

RESENHA: Feliz Natal, Alex Cross, de James Patterson

Feliz natal_alex cross_james patterson_leituranarede 1

Sei que estamos um pouco longe da época natalina, mas adoro o Natal e ler histórias, ver filmes que se passam nessa época me deixam na expectativa do próximo Natal chegar logo.

Feliz Natal, Alex Cross, de James Patterson, narra duas histórias que acontecem com o famoso detetive na véspera e no próprio dia de Natal. Tudo o que Alex Cross mais quer é passar as comemorações com a sua família, mas o mundo não pára e a criminalidade continua correndo solta por aí.

Dizem que dá sorte quando neva na véspera de Natal. Não costumo acreditar nesse tipo de superstição, mas, se fosse verdade este seria um dos melhores Natais da minha vida.

Coitado do detetive, logo recebe uma ligação solicitando sua presença num bairro nobre de Washington para lidar com um ex-advogado psicopata e viciado em metanfetamina que fez sua família de refém e ameaça matar a ex-mulher e os filhos antes do Papai Noel chegar.

Cross deixa então sua família durante a ceia de Natal e vai para o local do crime para ajudar a equipe do FBI a negociar com o criminoso e livrar os inocentes daquela enrascada. Mas nada é tão simples de se resolver ao se depararem com um lunático que não tem nada a perder.

No dia seguinte, no próprio dia do Natal, o detetive é novamente convocado pelo FBI para ajudar na captura da terrorista Hala Al Dossari que está na estação de trem de Washington prestes a colocar o seu plano em ação e a vida e segurança da população em risco.

Alguns capítulos da obra são narrados em 1ª pessoa, tendo o personagem principal Alex Cross narrando os acontecimentos. Nestes capítulos conseguimos entrar em seus pensamentos e saber seus medos, receios e anseios.

Outros capítulos são narrados em 3ª pessoa, como um narrador onisciente seletivo, ou seja, os fatos são narrados com a preocupação de descrever os pensamentos e impressões dos personagens, porém como alguém que conhece tudo, mas não faz parte da história.

Foi o primeiro livro que li do autor James Patterson, que é um dos escritores mais vendidos no mundo e tem seus livros traduzidos e vendidos em mais de 100 países.

A história é bem conduzida, num ritmo acelerado, que condiz com a ação que ocorre na narrativa. Porém, não achei nada de espetacular. É uma boa distração. Com certeza ainda lerei outras obras do autor. Quem está afim de ler uma história de acontecimentos rápidos, capítulos curtos, com ação e suspense, vale a pena a leitura.

  • Título original: Merry Christmas, Alex Cross
  • Editora: Arqueiro
  • Número de páginas: 176
  • Ano: 2013
  • Gênero: Ficção americana (Thriller de suspense)
  • Rating: 3 estrelas

1 2 3 4