leituranarede.com

Resenhas

RESENHA: A VINGANÇA ESTÁ NA MODA, DE ROSALIE HAM

O livro A vingança está na moda é o primeiro romance escrito pela autora australiana Rosalie Ham. Durante muitos meses desejei comprar este livro e no final do ano finalmente coloquei minhas mãos nele. Fiz a leitura e que história de-li-ci-o-sa!

A obra conta a história de Tilly Dunnage, uma mulher que quando criança teve que abandonar sua cidade natal e decide após muitos anos retornar para casa e cuidar de sua mãe, Molly Maluca, e ter uma nova vida. Ao chegar em Dungatar, uma pequena cidade com habitantes excêntricos e fofoqueiros, Tilly tenta agradá-los costurando roupas elegantes e com as últimas tendências da moda europeia. Mas no decorrer das semanas, as pessoas vão mostrando outras facetas de suas personalidades para Tilly. Embora ela já as conhecesse e soubesse que muitas não eram confiáveis, nunca imaginou que essas mulheres pudessem ser tão maldosas.

Tilly sempre quis deixar o passado para trás, mas ele volta a atormentá-la. E quando ela não consegue mais suportar as coisas que estão acontecendo, decide tramar sua vingança contra a cidade. O que eu achei totalmente justificável e plausível. (rsrs)

O que mais chamou minha atenção na narrativa foi a maneira como a autora consegue nos transportar para Dungatar. Os detalhes são comuns e corriqueiros, mas muito bem descritos, porém sem se tornar cansativo. Você sabe tudo o que acontece na vida de todos os habitantes da cidade. Veja esse trecho abaixo:

O sargento Farrat parou em frente à administração do condado a fim de olhar para A Colina e em seguida para a rua. Nancy Pickett estava debruçada na vassoura do lado de fora da farmácia, enquanto Fred e Purl Bundle saíam do pub para se juntar às irmãs Ruth e Prudence Dimm na porta da agência postal. No escritório da administração, o conselheiro Evan Pettyman pegou sua xícara de café e girou na cadeira de couro de presidente do condado para olhar pela janela. Ele levantou-se num salto, derramando a bebida quente, e praguejou. (p. 28)

Além das descrições, a autora consegue ser muito sagaz e irônica tanto na narrativa quanto nos diálogos dos personagens. E eu, como leitora, ficava ansiosa esperando a próxima alfinetada dela.

…As mulheres comuns de Dungatar franziam os lábios e rosnavam:

— Você arruma seu próprio cabelo, não é, Purl? Já eu não me importo de pagar por um penteado decente.

— Elas só estão com inveja — dizia Fred, dando um beliscão no traseiro da esposa.

Então Purl se sentava na frente do espelho da penteadeira todas as manhãs, sorria para seu reflexo loiro e carmim e dizia:

— Ter inveja é uma praga, e ser feia é pior ainda. (p. 30)

Recomendo que você leia A vingança está na moda e tenha a oportunidade de conhecer Dungatar e seus habitantes através de uma narrativa cheia de humor.

E TEM FILME?

No ano de 2015 A vingança está na moda foi adaptada para o cinema e possui no elenco a atriz Kate Winslet como a personagem principal Tilly Dunnage. Ainda não assisti ao filme, mas segue o trailer aí embaixo para vocês conferirem:

  • Título original: The Dressmaker
  • Editora: Harper Collins Brasil
  • Número de páginas: 288
  • Ano: 2016
  • Gênero: Ficção Australiana (romance)
  • Rating:

RESENHA: O SEGREDO DE EMMA CORRIGAN, DE SOPHIE KINSELLA

leitura-na-rede-o-segredo-de-emma-corrigan-sophie-kinsella

Mais uma leitura super prazerosa das obras de Sophie Kinsella. O segredo de Emma Corrigan me fez rir alto em várias cenas e me identificar em outras tantas.

O livro começa sua história com Emma Corrigan numa viagem a trabalho onde tudo dá errado. Frustrada com as coisas que aconteceram na reunião, mais o medo de perder o emprego e considerando as coisas que andam acontecendo em sua vida, Emma não está nada feliz ou confiante. Ela vai para o aeroporto, toma uns drinques para aliviar o desespero e depois entra no avião.

A partir daí prepare-se para rir muito. O avião começa a sofrer fortes turbulências e Emma achando que vai morrer acaba abrindo sua vida e contando seus segredos mais absurdos para a pessoa sentada ao lado dela.

Tudo neste livro é hilário. As cenas absurdas, mas que poderiam acontecer com qualquer um mais desastrado, as inseguranças que a Emma possui e que nós mulheres muitas vezes compartilhamos, o ambiente de trabalho de Emma, e o meu preferido, as amigas loucas que dividem apartamento com ela, em especial a Jemima, que realmente vive num mundo paralelo.

A história narrada em primeira pessoa nos deixa tão próximos da personagem principal que nos sentimos sua melhor amiga. A história flui na velocidade da luz e você se sente conectada com o enredo já no primeiro capítulo. Obrigada Aione do blog Minha Vida Literária por ter me indicado essa leitura!

O segredo de Emma Corrigan é uma ótima leitura para quem quer passar o tempo, se divertir, refletir sobre alguns aspectos da vida sem perder o bom humor ou simplesmente retornar com o hábito de leitura caso você esteja há algum tempo sem ler. Recomendo!

  • Título original: Can you keep a secret?
  • Editora: Record
  • Número de páginas: 384
  • Ano: 2015
  • Gênero: Romance – Chick Lit
  • Rating: estrelas

RESENHA: SANGUE NA NEVE, DE JO NESBO

Leitura na rede_im dest_sangue na neve

Estava um belo dia passeando pela livraria Saraiva quando vi o livro Sangue na Neve do escritor norueguês Jo Nesbo. A capa deste livro é linda, com o vermelho em contraste com o branco da neve e a textura que colocaram no sangue que deixa o livro especial. A editora Record fez um lindo trabalho editorial com esta publicação.

Sangue na Neve, de Jo Nesbo foi a primeira obra que li deste escritor. O livro é narrado em 1ª pessoa, sob a perspectiva de Olav, um matador de aluguel com características bem sensíveis para um assassino comum. Olav trabalha para um grande traficante de drogas em Oslo. Num dia comum, o assassino recebe uma ligação de Daniel Hoffmann, o traficante, que desconfia que sua mulher o está traindo, e pede para Olav matá-la. Porém, ao aceitar o trabalho, ele acaba apaixonando-se pela mulher do traficante, e terá que encontrar outras alternativas se quiser viver com ela.

Leitura na rede_im dest 2_sangue na neve

A história é bem fluída e ágil, e apesar desse livro ser classificado como romance, eu acredito que possa também ser considerado uma novela, devido a agilidade com que os acontecimentos se desenrolam. Eu já havia lido coisas maravilhosas a respeito do autor, e talvez por isso as minhas expectativas estivessem muito altas quando comecei a leitura. Gostei da narrativa e do estilo do Jo Nesbo, mas a trama em si não trouxe nada de espetacular para mim.

Quero ler outras obras do Jo Nesbo, pois sei que várias delas foram aclamadas pelas críticas, como O Leopardo e Boneco de Neve. Mas deixarei mais para a frente. Ah! E de acordo com a editora Record, os direitos autorais de Sangue na Neve foram comprados pela Warner Bros e o ator Leonardo DiCaprio está sendo cotado para interpretar o protagonista Olav. Vamos ver!

  • Título original: Blod på snø
  • Editora: Record
  • Número de páginas: 152
  • Ano: 2015
  • Gênero: Romance norueguês (thriller)
  • Rating: 3 estrelas

E vocês? Me contem. Já leram alguma obra do Jo Nesbo? Qual vocês recomendam a leitura?

Bjos e até a próxima resenha!

RESENHA: ESCURIDÃO TOTAL SEM ESTRELAS, DE STEPHEN KING

escuridao total sem estrelas_stephen king_leitura na rede

Mais uma leitura eletrizante de um autor que até hoje não me decepcionou: Stephen King.

A obra Escuridão total sem estrelas, do mestre do horror Stephen King, reúne uma coletânea de quatro maravilhosos contos que são grandes o bastante para quase serem considerados novelas.

Os contos contidos neste livro trazem temas e circunstâncias que fazem o leitor sair da zona de conforto, se colocarem na pele do personagem e questionarem: e se fosse comigo, qual reação eu teria?

Escuridão total sem estrelas foi publicado a primeira vez no país de origem (EUA) em 2010 e a editora Objetiva, através do selo Suma de Letras, publicou aqui no Brasil, no ano passado, em 2015. O trabalho gráfico desta publicação dá de dez a zero no livro original. Recomendo demais que vocês comprem este livro tanto pelas histórias que ficarão por muito tempo guardadas em suas mentes, como pelo design do livro. Lindo demais, vale a pena ter na estante.

Vamos aos contos?

1922 – Como o título sugere, esta história ocorre em 1922, numa pacata cidade americana. Um agricultor vive em sua pequena fazenda com sua mulher e filho e tudo vai bem até o dia em que a mulher do agricultor Wilfred recebe uma herança e decide que quer se mudar para a cidade grande e abrir uma loja. O marido e o filho que não concordam com a ideia decidem fazer de tudo para mudar a opinião da mãe, mesmo que isso traga somente desgraça para a vida deles.

Gigante do Volante – Foi o meu conto favorito e narra a história da Tess, uma escritora de livros de mistério, que entre a publicação de um livro e outro costuma dar palestras em universidades, bibliotecas e outros centros educacionais. Um dia ela vai a uma dessas palestras e ao pegar a estrada para retornar para casa, Tess é estuprada. O homem que fez isso com ela acredita que Tess está morta. Ela, ao recobrar a consciência se vê no papel dos personagens dos livros que escreve e trama uma sangrenta vingança para se livrar do homem que ousou fazer isso com ela.

Extensão justa – Até onde você iria para viver mais alguns anos? Neste conto, o personagem Dave Streeter descobre estar com câncer terminal e um dia, voltando do médico com a terrível notícia, ele avista na beira da estrada uma estranha barraca com um sujeito esquisito. Estaciona o carro e começa a conversar com ele. Ao contar sua história, o vendedor da barraca oferece um pacto para Dave viver ainda por muitos anos. Mas para isso, será necessário destruir a vida de alguém muito próximo a ele.

Um bom casamento – Narra a história de Darcy, uma mulher casada há vinte anos. Numa noite, sozinha em casa, enquanto seu marido viaja a trabalho, ela encontra na garagem uma caixa que a fará descobrir segredos do seu marido que ela jamais suspeitou. O homem que ela sempre pensara ser de um jeito se revela uma pessoa completamente diferente e assustadora. Mais um conto que nos faz pensar: e se?

Recomendo demais a leitura deste livro. Comecem a ler e verão que o livro será devorado rapidinho. Preparem-se para embrulhos no estômago e sentimentos de empatia, antipatia, raiva e pena. Mas acreditem em mim, vale a leitura de cada página.

  • Título original: Full Dark, No Stars
  • Editora: Suma de Letras
  • Número de páginas: 390
  • Ano: 2015
  • Gênero: Ficção / Suspense
  • Rating: estrelas

1 2 3 6